Escolha uma Página

Como Organizar Estrategicamente para Comprar Licenças Vitalícias

As licenças vitalícias são oportunidades únicas que surgem durante o lançamento de um software. Caso o empreendedor não adquira nesse momento, terá que pagar uma mensalidade se precisar do produto futuramente.

Esse modelo de negócio tem uma escassez real que gera um grande desconforto no empreendedor, devido ser bombardeado por uma infinidade de produtos frequentemente, mas seus recursos financeiros não permitem aproveitar todas as oportunidades.

Diante das mais diversas ofertas vitalícias o empreendedor entra nos mais diversos conflitos: Vai ter outra oferta semelhante? E se as ofertas posteriores forem inferiores a atual? Comprar agora ou reservar o capital para uma oferta mais útil que nunca poderá acontecer? Não preciso dessa oferta agora, mas vou precisar em um futuro próximo!

Para quem está chegando nesse mercado agora, os questionamentos acima podem parecer estranhos, mas é só sentir o primeiro impacto das licenças vitalícias em seus negócios para virar um comprador compulsivo e ativar os questionamentos habituais dos empreendedores.

Nenhuma empresa ou empreendedor tem recursos infinitos, por isso é muito importante criar uma estratégia de investimento em infraestrutura compatível com estágio atual do negócio. Ao longo desse post vou descrever três estágios hipotéticos de forma que você possa modelar em seu empreendimento.

No primeiro estágio temos os empreendedores no início dos seus negócios e que dependendo do setor de atuação vai saber mais ou menos de marketing e ferramentas digitais. Não importa se você é um médico, professor, bombeiro, proprietário de uma loja de roupas ou uma indústria, na fase inicial todos irão necessitar de um site que é o seu estabelecimento virtual. Assim como um estabelecimento offline, temos que nos preocupar com a segurança do estabelecimento, meios de comunicação com os clientes e pagamentos.Agora que ficou claro as estruturas iniciais de um negócio vou pontuar quais deveriam ser os investimentos dos empreendedores do primeiro estágio:

  1. Construtor de site vitalício: A mensalidade de criadores de site nas nuvens como Unbounce, Leadpages, Klickpages e similares terão um custo a partir de R$ 67 reais mensais. O Brizy Cloud foi oferecido, em sua oferta vitalícia, por 49 dólares, ou seja, em menos de seis meses você teria o capital de volta considerando o dólar a R$ 5,00. Sites que funcionam em servidores privados vão exigir um sistema de cobrança diferente, pois o usuário deverá contratar uma hospedagem mais a mensalidade do construtor de site. Um exemplo comum do mercado é pagar uma hospedagem compartilhada da Hostgator e a licença de um construtor de página como Elementor PRO. Nesse exemplo o empreendedor vai investir R$ 10,19 por mês em uma hospedagem compartilhada no plano P da Hostgator mais 4,1 dólares por mês do Elementor PRO. O valor pode chegar até 16,6 dólares por mês dependendo do tipo de licença que for usar. Ainda não surgiu um servidor vitalício, mas você pode substituir a assinatura do exemplo, que é o Elementor PRO, por uma licença vitalícia do Divi que custa 249 dólares, ou seja, em 15 meses você recuperará o capital ao comparar licenças equivalentes.
  2. Agora que o negócio já tem um site precisamos preocupar com segurança. O famoso cadeado que aparece nos navegadores é um certificados SSL que protegem a comunicação entre o visitante e o site. Muitos serviços de hospedagem estão oferecendo esse serviço gratuitamente, mas como não é uma regra é importante saber que esse certificado pode custar R$ 325,00 por ano, mas alguns serviços de hospedagem, como Hostinger, oferecem certificados semelhantes por R$ 49,00 vitalícios até o momento que escrevo este post. Importante salientar que os valores oscilam de acordo com o tipo de certificado SSL e se tem ou não seguro envolvido. Um outro item de segurança são os softwares que funcionam como firewall e antivírus. O Astra tem assinatura a partir de 24 dólares por mês, porém quando lançou sua licença vitalícia custou 49 dólares para proteger até 3 sites, ou seja, em 2 meses você recuperaria seu capital.
  3. Uma das ferramentas mais antigas de comunicação da era digital é o e-mail. Diariamente recebemos e-mails de diversas empresas informando sobre suas promoções e novos produtos, ou seja, essa ferramenta é um meio essencial de comunicação. A manutenção dessa ferramenta não é barata e podemos observar no mercado um custo mensal a partir de R$ 184 considerando a empresa leadlovers. Em abril de 2020 aconteceu a oferta vitalícia do Automizy, sendo que o plano semelhante ao inicial do leadlovers custou 49 dólares. Estamos falando de uma recuperação de capital em menos de 2 meses se considerarmos o dólar a R$ 5 reais.
  4. Serviços de área de membros são específicos para quem é professor, escolas, universidades e criadores de infoprodutos. Atualmente existem serviços gratuitos como Hotmartclub e Nutror, mas são ferramentas bem simples quando comparadas com as que cobram mensalidades. Alguns exemplos são: Kajabi que tem um custo inicial de 149 dólares por mês, Apollo com custo inicial de R$ 197,00 por mês, Maestrus com custo inicial de R$ 197,00 por mês e EAD Plataforma com custo inicial de R$ 299,90 por mês. É importante observar as características de cada plataforma, pois os valores nem sempre estão associados ao número de alunos. Em 2020 tivemos 3 ofertas de áreas de membros vitalícias: Heights, FreshLMS e Miestro. Durante as ofertas vitalícias o Heigths tinha opções entre 79 dólares e 790 dólares, o FresLMS tinha opções entre 99 e 990 dólares e o Miestro tinha 3 planos: 99 dólares, 199 dólares e 297 dólares. Comparando os valores vitalícios com as mensalidades das mesmas ferramentas todas permitiam a recuperação do capital em até 6 meses. Se você comparar como as mensalidades das empresas que apresentei nos planos iniciais teremos a recuperação do capital em até 2 anos. Um custo extra nessa situação são os servidores de armazenamento de vídeo, sendo que o mais utilizado é o viemo que tem um custo inicial de 12 dólares por mês com direito de armazenar até 250 GB. Uma licença vitalícia de armazenamento, que chama Publitio, foi a mercado em 2018 e 2019 com opções de valores entre 49 e 490 dólares. Ao comparar com vimeo são necessários entre 4 meses e 2 anos para recuperar o capital investido.
  5. Para finalizar o estágio inicial vamos precisar de um Gateway de pagamento. Os mais conhecidos são: PayPal, Stripe, Mercado Pago, Pagseguro, Hotmart, e Eduzz. Não existem licenças vitalícias desse tipo de serviço, mas uma alternativa é usar bancos digitais como Banco Inter e solicitar transferências.

Os empreendedores que já tem a estrutura do primeiro estágio com licenças vitalícias no lugar de serviços de assinaturas, ou não desejam substituir as ferramentas atuais podem ir para o estágio intermediário. Nesse momento do negócio o foco é com a experiência do cliente com os produtos, serviços e a empresa. Vamos para os principais pontos desse estágio:

  1. Nesse estágio os empreendedores já podem estar pensando em migrar do servidor compartilhado para uma VPN, servidor dedicado ou cloud. Mesmo com um servidor mais robusto existem algumas ferramentas que melhoram a experiência dos usuários como um CDN de imagem e vídeo. Ao adicionar esse tipo de serviço ao site terá um desempenho melhor devido ao CDN de imagem ser o responsável por mostrar as imagens do site e o CDN de vídeo fará com que o carregamento seja praticamente instantâneo. Ponto negativo dos CDNs são os custos elevados. As licenças vitalícias nessa situação ajudam pequenas empresas disponibilizarem serviços de grandes empresas com baixo investimento. Swarmify é um CDN de vídeo com preço inicial de 59 dólares por mês, porém quando ofereceu sua licença vitalícias tinha opções entre 69 e 345 dólares. O plano inicial da licença vitalícia tinha o dobra views que o plano de assinatura mensal, ou seja, a recuperação do capital era praticamente instantânea! E se você optasse pela licença vitalícia mais cara teria a recuperação do seu capital em menos de 6 meses. O Gumlet é um CDN de imagem que cobra 5 dólares no seu plano inicial. Durante sua oferta vitalícia tinha opções entre 49 e 245 dólares, sendo que o plano de 49 dólares possuía 4 vezes mais bandwith que o seu serviço de assinatura mensal. A opção vitalícia inicial de 49 dólares é equivalente a assinatura mensal de 50 dólares, porém a vitalícia tem a metade de bandwith, ou seja, o capital investido é recuperado em 2 meses.
  2. O suporte ao cliente nessa fase tem que exceder ao tradicional contato via e-mail. Serviços de chat com atualização do atendimento via e-mail ou até ticket de atendimento coloca o atendimento em outro nível. Sem falar que esses serviços contam com a opção de converter uma conversa em chat para um vídeo conferencia. Dois serviços de atendimento com ofertas relaviamente recentes foram do Dashly e Customerly. O Dashly tem um custo inicial de 27,3 dólares por mês e sua oferta vitalícia oscilava entre 59 e 179 dólares. O plano inicial da licença vitalícia equivale a uma assinatura por volta de 59 dólares se igualarmos os limites de disparo de e-mails. Já o Customerly tem assinatura inicial no valor de 24 dólares por mês e as ofertas vitalícias tinha valores entre 69 e 207 dólares.

No último estágio dessa simulação vamos focar em melhorar os resultados, apesar que devemos pensar no resultado antes mesmo do empreendimento, nessa etapa quero mostrar algumas ferramentas que poderão otimizar os resultados:

  1. As ferramentas de mapa de calor e gravações de tela vão permitir entender quais são os pontos mais importantes do site. Esse tipo de ferramenta nos permite descartar setores do site que não tem importância para nossos clientes assim como otimizar as partes que eles mais valorizam. Uma das ferramentas mais conhecidas é o Hotjar que tem um custo inicial de 29 dólares por mês. Nos últimos 12 meses três ferramentas de mapa de calor ofereceram licenças vitalícias, mas a que teve maior repercussão foi o Capturly. A oferta vitalícia tinha opções entre 49 e 295 dólares, sendo que plano de assinatura inicial do Capturly é 29 dólares por mês. Comparando a assinatura inicial com a opção vitalícia inicial temos a recuperação do capital em 2 meses, mas ao comparar a assinatura mais cara com a opção vitalícia também mais cara a recuperação do capital é imediata.
  2. O tráfego pago é muito importante para o empreendimento, mas isso não que dizer que não devemos valorizar o tráfego orgânico. As ferramentas de SEO tem um custo elevado sendo que o semrush cobra 99,95 dólares por mês no seu plano inicial e o ubersuggest 59 reais por mês. No mercado vitalício também tivemos algumas ofertas dessa categoria de ferramenta sendo de maior destaque o Ubersuggest e o SEO TESTER ONLINE. Na oferta do Ubersugest havia apenas uma opção de 590 reais em que você recuperaria o capital em 10 meses ao comparar com assinatura inicial enquanto o SEO TESTER ONLINE tinha opções entre 69 e 621 dólares. Na segunda opção o capital retornaria entre 2 e 10 meses.

Ao longo desde post tentei simular uma situação que pode varia de negócio para negócio, e de empreendedor para empreendedor, por isso é apenas uma simulação para ajudar na construção da estratégia para comprar licenças vitalícias. Nesses três estágios cabem várias ferramentas que não foram comentadas como de webinar ao vivo e gravado, reuniões online, lives em redes sociais, construtores de comunidades semelhantes ao facebook, ferramentas de pesquisa, chatbot entre outras. O que mais tem nesse mercado são tecnologias para aplicar nos negócios.

O que você achou da estratégia de adquirir licenças vitalícias? Descubra como virar um especialista em análise de ferramentas vitalícias clicando aqui!

Gostou do meu artigo? Então compartilhe-o nas suas redes sociais e disponibilize esse conteúdo aos seus amigos!

Anterior

Próximo

Copy link
Powered by Social Snap